fbpx

Atenção: confira o que não está coberto

Não é todo afastamento médico que dá direito a diárias por incapacidade. É importante conhecer o que não está coberto por essa cobertura.

Veja o que não dá direito à indenização. Afastamentos decorrentes de:

– Gravidez, aborto e suas consequências. A não ser que seja decorrente de acidente pessoal coberto, neste caso, é necessário comprovação do nexo causal por meio de exames de imagem realizados após o acidente.

– Anomalias congênitas de conhecimento do segurado que não foram declaradas na contratação da cobertura.

– Qualquer tipo de hérnia decorrente de doença. A não ser que ela ocorra após tratamento cirúrgico ou seja decorrente de acidente pessoal coberto na apólice. Neste caso, é necessário comprovação do nexo causal por meio de exames de imagem realizados após o acidente.

– Tratamentos clínicos ou cirúrgicos para métodos contraceptivos, infertilidade, esterilidade, inseminação artificial e mudança de sexo.

– Tratamentos clínicos ou cirúrgicos para estética e suas consequências. Não está coberto mamoplastias redutoras, tratamentos para senilidade, geriatria, rejuvenescimento, repouso e convalescença. Também estão excluídas cirurgias plásticas com finalidades estéticas ou embelezadoras e suas consequências.

– Tratamento clínico ou cirúrgico para obesidade em qualquer modalidade e as possíveis consequências.

– Qualquer procedimento que não está previsto no Código Brasileiro de Ética Médica e não seja reconhecido pelo Serviço Nacional de Fiscalização de Medicina e Farmácia.

– Qualquer doença ou transtorno mental, síndrome do pânico, estresse ou todo tipo de desvio comportamental e psiquiátrico.

– Cirurgias ortognáticas, tratamentos dentários, ortodônticos e intervenções por razões reparadoras.

– Tratamento de fisioterapia, a não ser que seja decorrente de doença neurológica.

– Instabilidades crônicas, incluindo as lesões meniscais e ligamentares de joelho e lesões de ombro de característica degenerativa, síndromes do impacto, lesões de supra espinhais, Luxações recidivantes de qualquer articulação, exceto após tratamento cirúrgico.

– Doenças progressivas, como fibromialgia, artrite reumatoide, osteoartrose, doenças reumatológicas e ósseas.

– As lombalgias, lombociatalgias, ciáticas, síndrome pós-la minectomia, protusões discais, dorsalgias, cervicalgias e cervicobraquialgias, sacralgias e outros quadros degenerativos; n. Ceratotomia (cirurgia para correção de miopia)

– Período que antecede a cirurgia agendada/programada.

Além disso, não são aceitos afastamentos decorrentes dos riscos excluídos do seguro de vida:

– Uso de material nuclear, independente do fim. Incluindo explosão nuclear, contaminação radioativa ou exposição a radiações nucleares ou ionizantes.

– Atos ou operações de guerra. Seja guerra química ou bacteriológica, civil, guerrilha, revolução, terrorismo, agitação, revolta, motim, sedição, sublevação ou outras perturbações de ordem pública.

– Doenças preexistentes à contratação do seguro de vida que o segurado já tinha conhecimento.

– Epidemias e pandemias declaradas por órgãos competentes.

– Doação intervivos (ou seja, se você receber uma doação de rim e morrer por conta da operação).

– Transplante intervivos, exceto nas situações passíveis de pagamento previstas na cobertura de Doenças Graves, quando contratada.

– Suicídio cometido nos primeiros 24 meses da vigência do seguro, período de vigência para indenização em caso de suicídio.

– Competições ilegais em veículos a motor, aeronaves ou embarcações. Incluindo treinos preparatórios se forem ilegais.

– Tufões, ciclones, terremotos, furacões, maremotos, erupções vulcânicas e outras perturbações da natureza.

– De ato reconhecidamente perigoso que não seja motivado por necessidade justificada, salvo se a morte ou incapacidade do Segurado provier de meio de transporte mais arriscado.

– Quaisquer consequências decorrentes de atos ilícitos dolosos praticados pelo Segurado, pelo Beneficiário ou pelo representante de um ou de outro.

– Se o segurado dirigir qualquer tipo de veículo ou equipamento sem ter aptidão legal para essa direção.

Além disso, o segurado não receberá indenização caso seja afastado e continue exercendo alguma atividade relativa a sua profissão ou qualquer outra ocupação que dê renda.

Seguro de Incapacidade Temporária

O Seguro é muito acessível.

Tranquilidade que custa pouco - Veja o exemplo a seguir: 

Um profissional com 32 anos de idade que contrata uma diária de R$150,00 paga menos de R$4,00 por dia.

Neste exemplo, se ele ficar afastado por 40 dias, receberá R$4.500,00 de indenização.

E mais: o Renda Protegida tem carência de 60 dias somente para os casos de doença.

Para os casos de acidentes, a cobertura é imediata!

PARA SABER MAIS PREENCHA O FORMULÁRIO ABAIXO E ENTRAREMOS EM CONTATO:

Deixe aqui seus comentários ou informações que deseja saber. (opcional)

Leave a Reply

Total